Publicado em

Hospedagens de Sites

Quer você esteja apenas começando no cenário da Internet, quer esteja expandindo seu negócio, você irá se deparar com uma infinita gama de opções de hospedagem para o seu website.

 Você já percebeu que precisaria escolher entre pelo menos 100 diferente opções de planos de hospedagem para contratar uma simples conta de webhosting? Além disso, haveria muitas outras questões técnicas envolvidas nesta escolha, dependendo do tipo de seu website (estático, dinâmico, comércio eletrônico, SaaS, etc).

 Você enfrentará 8 situações críticas durante a escolha de seu plano, e serão as decisões tomadas diante destas situações que irão determinar o sucesso ou falha de sua atividade digital. Você não pode dar-se ao luxo de fazer as escolhas erradas (pois isso certamente iria custar-lhe muito caro).

Para determinar suas necessidades, você precisa fazer uma avaliação acerca de seu website, considerando:
• Propósito (qual é a finalidade do meu website?);
• Conteúdo (que tipo de conteúdo será publicado?);
• Tráfego (qual é a estimativa de tráfego de acesso?);
• Requisitos técnicos (quais recursos operacionais necessito?);
• Plataforma (qual plataforma utilizar?);
• E-mail (quais serão minhas necessidades relacionadas a correio eletrônico?);
• Tipo de hospedagem (qual é o tipo de plano apropriado?);
• Suporte técnico (o que esperar da equipe de suporte?);
Somente quando você tiver a resposta para todas estas questões estará apto a escolher, dentre as diversas opções de plano existentes no mercado, aquela que melhor atenderá suas necessidades, oferecendo a melhor relação custo-benefício.

 Você realmente precisa de uma empresa de hospedagem? Antes de começar a analisar suas necessidades, muitas pessoas questionam se seria possível hospedar seu website sem o intermédio de uma empresa especializada. Mas afinal, é possível hospedar seu website em sua estação de trabalho no escritório ou até mesmo em seu computador doméstico?

A resposta é: sim, você até poderia fazer isto, mas há diversos fatores que o desencorajariam:

• Você precisaria de uma conexão de Internet de altíssima velocidade, e também de um contrato com seu provedor de acesso, que o autorizaria a trafegar um grande volume de dados (bem acima do normal), o que certamente seria bastante caro;
• Você precisaria manter seu computador ligado 24 horas por dia, 7 dias por semana, o tempo todo. Além disso precisaria mantê-lo seguro contra hackers e livre de pragas virtuais (como vírus, trojans, keyloggers, etc);
• Você precisaria de um computador robusto para constantemente atender múltiplas requisições simultâneas;
• Você precisaria se responsabilizar pela instalação, configuração, e manutenção de todos os softwares necessários, tais como: painel de controle, servidor web, servidor FTP, servidor de correio eletrônico, servidor de banco de dados, programas de estatísticas, etc. Além disso, caso opte por fazer uso de softwares proprietários/comerciais, seria necessário adquirir licenças de uso para cada um deles, o que também torna cara esta opção;
• Você precisaria resolver sozinho todos os problemas técnicos que fossem surgindo ao longo do tempo.

No fim das contas você perceberá que será mais prático e funcional pagar uma fração destes custos contratando os serviços de uma confiável empresa de hospedagem.